para que as aves não esqueçam o voo... e as árvores não deixem de anunciar a primavera...

Seguidores

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009




"PIANO"







Lugar onde as flores nascem por dentro das palavras. Onde a bondade é um sorriso platinado



e onde o pensamento já nasce poesia...







...fala-me de olhares longínquos... e paraísos perdidos...



...onde ao escrever as pessoas se entregam e desnudam... onde o diálogo silencioso de almas as faz voar para além do espaço real...


(...onde para ler me visto de cambraia. tons de festa. flores no cabelo e pés descalços..)

____________________obrigada.muito. I.M.F.____________________________


11 comentários:

mié disse...

Bela e merecida homenagem à Alma.

Um beijo

M. disse...

o que mais enche é esta corrente invisível mas que parece conduzir a caminhos que convergem no Piano das almas.

isto tem explicação?

beijo

simplesmenteeu disse...

mié
Pena que não tenha conseguido melhor...
A ligação estava sempre a cair e eu que não entendo nada estava a sair do sério...
Pode ser que um dia saia alguma coisa melhor.
Beijo grande

simplesmenteeu disse...

M.
quando a palavra é o reflexo do coração e da alma, é fácil as pessoas identificarem-se e criarem laços muito fortes de afecto.

eu, no meu canto escondido... quando me mostro...já criei raízes e já fiquei.
Tu, Mulher do Invisível, és raíz, flor e fruto... Mulher Rainha! Na palavra e nos afectos silenciosos!...
O PIANO, um lugar de AMOR que não carece de explicações...

Beijo

isabel mendes ferreira disse...

L.

obrigada.

(já não sei o que mais me espanta, se a ternura se a maldade...)

mas do coração retenho o nome mais puro.

grata a todos/todas.

mesmo e muito.

simplesmenteeu disse...

isabel
a ternura nasce onde o amor e pureza se tocam. esses são os caminhos de um PIANO que é Alma e Coração.
esses são também os caminhos e a força da "corrente invisível" em que cada um de nós, é elo indestrutível.

para a maldade, o maior castigo,é ser ignorada e, não deixar, que nos magoe... (fácil dizer, difícil fazer, mas verdadeiro...)

o abraço de sempre

hora tardia disse...

:)))))))))))))))))))



re.grata.

simplesmenteeu disse...

hora tardia
Misteriosa e divina, a lua, atarda o olhar na terra dos homens e dos pássaros...
Obrigada
Beijo

Persida disse...

Como gosto deste poema...faz-me lembrar muitas coisas que por ás vezes já me foi esquecido, mas; que me recordo sem mais me esquecer...talvez seja loucura mas; a razão existe, porque a esperança é viva.Agradeço pelos seus poemas bonitos;venha visitar-me sempre quando quizer.
Artista plástica
Pzersida Silva

simplesmenteeu disse...

Persida
Obrigada, pela visita e pelas palavras.
Assim que poder irei visitá-la e conhecer o seu trabalho.
Há coisas que não podemos deixar esquecer... ou morreriamos com elas...
A porta está aberta para quem traga mãos de afecto...
Beijo

Persida disse...

Obrigada amiga, estive a visitar seu blog e gostei imenso, vejo que tem aí muitos vidéos, tanto gostaria de saver colocar tambem um vidéo no meu blog mas; não hà maneira de conseguir,venho pedir auxilio au pé de si amiga minha, se me pode ajudar, e desde já grata. Saudações Persida Silva



Chove no país das fadas...

e até as árvores se esqueceram de anunciar a primavera!...


Acerca de mim

A minha foto
procura de um sentido... .-.-.-.-.-.-.-.-.-.-. "em cada um de nós há um segredo, uma paisagem interior com planícies invioláveis, vales de silêncio e paraísos secretos" --A. Saint-Exupéry--