para que as aves não esqueçam o voo... e as árvores não deixem de anunciar a primavera...

Seguidores

sábado, 31 de janeiro de 2009


...a lua recolheu o rosto e o sorriso. envolta em rendas negras. caminhou solitária... desértica.

na noite sem estrelas...


todas as vozes se calaram. havia lágrimas. nevava nos corações em chamas...

ao longe um cântico. dança vestal...

a comoção. o peso brutal do silencio. as pedras a guardarem a memória do sonho...

um beijo a recortar-se na distância e na despedida...


sombra a esfumar-se no amanhecer sem Sol...




...2008

5 comentários:

Morgana disse...

Sigo no rasto das rendas, na sombra da lua...
Procuro as estrelas, busco a luz...
Quero os beijos de boas vindas, no sol que há-de nascer...
Porque de sombras, de rasto e de escuridão se fizeram os dias do desespero...

Beijos

simplesmenteeu disse...

De rendas me visto... e sou cativa...
Em tear de espera teço o fio e bordo o dia...
No luar desenho o beijo.
agarro a fé e a vida...

Beijos (com pó de estrelas)

Morgana disse...

O que me chama...o cântico e a dança pura
O que me retém...a fé nas estrelas que acabam em dia, para voltar sempre tecidas de mistérios e beijos.
O que me leva...as sombras que se alongam sobre mim, despida da tecitura dos sonhos.

Beijos (com sabor amoras silvestres.

simplesmenteeu disse...

Vou deixar o olhar preso nas estrelas... enquanto o cântico toma conta de mim, sem peso nem reservas...
Vou esperar que as sombras se rasguem de vez e a luz se recorte em beijo(s)...
Mesmo que a chuva não pare, as amoras continuarão a nascer...
Beijos (com polen...)

Pedrasnuas disse...

TRAZ OS DEDOS E UM SOPRO DE VENTO E DESCOBRE A LUA...E O CALOR DE UM ABRAÇO AQUEÇA OS CORAÇÕES GELADOS...
E SEQUE AS LÁGRIMAS E DE NOVO SE OUÇA O CANTO...SE FAÇA RISO,ALEGRIA E NÃO PRANTO...
E O SONHO NÃO SEJA UMA MEMÓRIA DISTANTE IRREAL E CORTEM-SE AS AMARRAS E NÃO HAJA DESPEDIDAS...

BEIJO MEU

NOTA:BELA ILUSTRAÇÃO



Chove no país das fadas...

e até as árvores se esqueceram de anunciar a primavera!...


Acerca de mim

A minha foto
procura de um sentido... .-.-.-.-.-.-.-.-.-.-. "em cada um de nós há um segredo, uma paisagem interior com planícies invioláveis, vales de silêncio e paraísos secretos" --A. Saint-Exupéry--