para que as aves não esqueçam o voo... e as árvores não deixem de anunciar a primavera...

Seguidores

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010


reflexões


em casa de adultos, a criança solitária, vive um mundo de silêncios.
perdida, entre pernas apressadas, ela parece invisível e sem lugar.
apesar dos dias monocórdicos e dos natais pouco coloridos, repetia anualmente o mesmo ritual.
pé ante pé... deixava o pequeno sapato na chaminé.
uma manhã, os olhos abriram-se e brilharam de forma diferente. uma caixa imensa... quase do seu tamanho, estava no seu sapato.
incrédula, esfregou os olhos para certificar-se que estava acordada. os dedos tremiam tanto que não era capaz de desfazer o embrulho.
ajudada, viu com espanto aquela linda boneca! sorria... era de porcelana.
pegou-lhe a medo com seus dedos frágeis. depois, para que se não partisse, colocou-a num lugar seguro.
todos os dias ficava muda e quieta diante do seu tesouro...

a menina fez-se mulher. a pele menos lisa falava dos caminhos percorridos e dos sonhos que deixara secar.
um dia recordou a velha boneca de porcelana. entendeu então:
a ela. tal como a alguns afectos ilimitados e sublimes, tinha erguido um altar intocável de contemplação silenciosa.
***

7 comentários:

No Name disse...

Simplesmente, SOBERBO...
***

AC disse...

Os altares intocáveis dizem muito da riqueza interior de quem os venera. Lá fora, contudo, a vida segue indiferente a tal sentir, e as aves continuam a cantarolar a simplicidade das coisas...
Ainda bem que regressou, é sempre um prazer lê-la.
Tendo em conta o novo ano que se aproxima, espero que a vida seja generosa e nos proporcione as mais preciosas colheitas!

Beijo :)

Maria disse...

Quem sabe dos silêncios das crianças, das suas solidões e dos seus refúgios...
Quem sabe dos afectos que as crianças criam com objectos e que ficam para a vida...
Belo texto! E saudades de ti, aqui.

Beijo.
E um bom ano de 2011, com Futuro!

Pedrasnuas disse...

UM ALTAR INTOCÁVEL DE CONTEMPLAÇÃO SILENCIOSA E ADORMECIDA?

SE ACREDITO?

DEVO ACREDITAR???

BEIJINHO E UM ANO NOVO CHEIO DE VIDA!!!

gabriela r martins disse...

que o natal - já passado - tenha sido cheio de poesia e o novo ano ,que se aproxima ,pleno de palavras prontas a moldar.......

felicidades e


.
um beijo

Baby disse...

Há recordações que duram toda uma vida, sinal que nos tocaram profundamente o corpo e alma.

Feliz Ano Novo para ti!

Graça Pires disse...

Um texto que me levou à minha infância e me trouxe de novo à realidade...
Muito belo!
Um beijo e que 2011 deja Bom.



Chove no país das fadas...

e até as árvores se esqueceram de anunciar a primavera!...


Acerca de mim

A minha foto
procura de um sentido... .-.-.-.-.-.-.-.-.-.-. "em cada um de nós há um segredo, uma paisagem interior com planícies invioláveis, vales de silêncio e paraísos secretos" --A. Saint-Exupéry--