para que as aves não esqueçam o voo... e as árvores não deixem de anunciar a primavera...

Seguidores

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

**


numa praia minguada de água
secara-lhe a cor. a textura. a forma.
estilhaço inútil. sobra sem sentido...

soltei a areia. o sal.
alisei as dobras. as mágoas.
com tempo de vagar e cuidado
em filigrana de ouro fino fiz um laço.
deixei-o preso nos teus sonhos...

quando acordaste
o mar saía de mansinho da tua cama de seda
na renda que o vestia
pequenas estrelas de luz verde cintilavam.
***

15 comentários:

AC disse...

Uma fantástica dádiva.

Beijo :)

Ana Oliveira disse...

E de sonhos, assim vestidos, de verde,não se deseja acordar.

Um beijo

Pedrasnuas disse...

DEVOLVESTE-LHE A LUZ,A VIDA E O SOL...E OS SONHOS TAMBÉM

BEIJINHOS MEUS

Maria Dias disse...

"..Quando acordaste o mar saia de mansinho de tua cama de seda, na renda que vestia pequenas estrelas de luz verde cintuilavam..."
Q lindo!Tao lindo teu bordado em forma de poesia...

Beijos

Maria Dias

Maria disse...

Já te li n vezes. Mas não te sei comentar.
Também não sei porque escrevo estas palavras agora, num dia que é dos piores da minha vida...
Hoje não tenho pão quente nem chá para te oferecer. Apenas uma lágrima, que espero recuses.

gabriela r martins disse...

lindo!


.
um beijo

© Piedade Araújo Sol disse...

tão bonito!

beij

Graça Pires disse...

Um poema de amor muito belo!
Beijos.

Dois Rios disse...

Delicadeza,
Suavidade,
Beleza,
Amor.

Lindo!

Beijos saudosos,
Inês

A.S. disse...

Perco-me nas tuas palavras. Nelas me afundo. Nelas naufrago com prazer...


Beijos
AL

AnaMar (pseudónimo) disse...

Sem saber de ti...há tanto tempo...tempo demais.......

(que belo rendilhado de palavras :-))
Bj

batista disse...

percebo, mais uma vez, a magia desse sítio, a delicadeza com que esculpes poemas.

deixo um abraço fraterno.

Ana Martins disse...

Lindo, com uma suavidade que até arrepia!

Beijinhos,
Ana Martins
Ave Sem Asas

"quicas" (joaquim do carmo) disse...

Mais uma vez venho deliciar-me com seus versos e, pena minha, não se têm multiplicado! Mas vou continuar à espera, com renovada esperança!

Enquanto espero, deixo-lhe um prémio na minha galeria -http://galeriadoquicas.blogspot.com/ - espero humildemente que aceite este sinal de apreço.
Beijinho

alfa disse...

Sentidodovoo, passei por aqui por sugestão do Quicas, gostei muito das suas palavras, vou voltar.



Chove no país das fadas...

e até as árvores se esqueceram de anunciar a primavera!...


Acerca de mim

A minha foto
procura de um sentido... .-.-.-.-.-.-.-.-.-.-. "em cada um de nós há um segredo, uma paisagem interior com planícies invioláveis, vales de silêncio e paraísos secretos" --A. Saint-Exupéry--