para que as aves não esqueçam o voo... e as árvores não deixem de anunciar a primavera...

Seguidores

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

**


às vezes parto.silenciosamente.
tão silenciosamente que as sombras ficam para trás...
levo um olhar.uma palavra.um sorriso.
um gesto que ninguém mais viu.
levo a curva desenhada de um seio.
um beijo suspenso na boca.
um sonho que agasalhei da noite.

parto
para recuperar uma estrela.
volto
para acordar o sol e segredar-lhe que já é manhã.
***

21 comentários:

AC disse...

Às vezes chego aqui, silenciosamente, na esperança de ver a estrela resgatada.
Hoje, com a cumplicidade do sol, saio de sorriso nos lábios...

Beijo :)

simplesmenteeu disse...

AC
Eu nunca deixo de perseguir as estrelas... As nuvens do meu olhar, é que às vezes, são demasiado densas...
Agarrada uma, pinta-se o Sol se ele se negar aparecer...:)
Obrigada pela companhia atenta e carinhosa.
Um Beijo

Ana Oliveira disse...

Entre sombra e sombra
há o gesto e o sonho

a luz esbate o contorno do desejo que a noite acorda

e a partida fez-se regresso.

Um beijo

Pedrasnuas disse...

SEI QUE TE NEGLIGENCIEI, NÃO ESQUECI...MAS NÃO VIM...NEM TU FOSTE LÁ...HOJE VI-TE FINALMENTE E AQUI ESTOU....

CONFESSO QUE A TUA POESIA CONTINUA A SURPREENDER...A SENSIBILIDADE COM QUE ESCREVES É ÍMPAR...
E SILENCIOSAMENTE DEIXAS MUITO PARA NÓS...PARA QUEM TE LÊ E SABE APRECIAR O QUE ESCREVES... TUDO TEM ALMA E SENTIDO...EMBORA SUBJECTIVO....QUEM TE CONHECE UM POUCO COMPREENDE...
QUE A ESTRELA TE ILUMINE E O SOL DÊ COR À TUA VIDA...E ACENDA O TEU SORRISO ...

DE REGRESSO A TI

BEIJO GRANDE

P.N.

Tatiana disse...

Quanta sutileza e beleza nas palavras que revelam um coração.

Sempre fico encantada ao entrar nesse mundo!

um abraço carinhoso

simplesmenteeu disse...

Ana
Partir é necessário...
para tentar a expurgação do que nos embarga a voz...
para libertar e salvar o sonho
para poder voltar de coração aberto, em gesto e sede... em espuma e renda...
Obrigada pela paleta de cores que sempre me estendes.
Um beijo grande e carinhoso

simplesmenteeu disse...

Pedrasnuas
Gosto sempre da franqueza com que deixas falar o coração.
A vida é feita de partidas e regressos... de presenças e ausências...
A amizade acaba por entender até os silêncios.
Que o teu sorriso seja sempre iluminado pelo Sol e pelo Amor.
Fico feliz com o teu regresso.Obrigada.
Beijo carinhoso

simplesmenteeu disse...

Tatiana
Depois de todos os meus silêncio, de todas as minhas ausências, só posso dizer-te: obrigada por não teres desistido de me procurar e fazer companhia.
Abraço forte e carinhoso

simplesmenteeu disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
tulipa disse...

num silencio tão silencioso que nem deixas pegadas...
um abraço
tulipa

© Piedade Araújo Sol disse...

gostei deste poema.

todo ele é belo na sua tristeza, os ultimos versos, são lindos demais.

um beij

Pedrasnuas disse...

SÓ PARA DIZER QUE A ILUSTRAÇÃO REVELA MUITO BOM GOSTO...

BEIJINHO MEU

Baby disse...

Partir asim é uma arte...e voltar uma certeza.

A imagem simplesmente bela, tal como o poema.

Beijos.

Graça Pires disse...

Um poema magnífico! Sem sombras. Com a luz das estrelas e das manhãs.
Beijos.

Tatiana disse...

Vim agradecer a sua presença em meu blog. Esse carinho que recebemos na blogosfera nos alimenta a alma!

Um beijo carinhoso e feliz!

Baby disse...

Vim agradecer a tua visita e as palavras tão lindas e gentis.

Beijo.

gabriela r martins disse...

um excelente poema que não carece de mais comentários



.
um beijo

Anónimo disse...

Sublime, vindo de dentro, de um eterno sentir...
Que o "acordar do sol", ilumine todas as manhãs da tua vida.

Gostei muito!

Beijo

EtFreire

Baby disse...

Vejo que ainda aqui estás, sinal de que o Sol continua acordado!

Beijinhos.

A.S. disse...

O lirismo é o catalizador de múltiplas emoções, num belo poema!!!

BjO´ss
AL

Sandra disse...

Lindo! Amei cada linha.
Às vezes é assim, vivemos silenciosamente e com o corpo e a alma aos gritos.
Beijo
Sandra



Chove no país das fadas...

e até as árvores se esqueceram de anunciar a primavera!...


Acerca de mim

A minha foto
procura de um sentido... .-.-.-.-.-.-.-.-.-.-. "em cada um de nós há um segredo, uma paisagem interior com planícies invioláveis, vales de silêncio e paraísos secretos" --A. Saint-Exupéry--