para que as aves não esqueçam o voo... e as árvores não deixem de anunciar a primavera...

Seguidores

domingo, 27 de junho de 2010

**

as palavras dançam leves em espaços de silêncio

voam. como notas musicais nas cordas finas da alma.

artesãs solitárias. soltam emoções.

burilam sentimentos que se inscrevem no ouro intemporal das pedras.


____________________________________P A R A B É N S!!!_________________









**

8 comentários:

AC disse...

Seja para quem forem os parabéns, só poderão ser para uma alma sensível, artesã das palavras e profunda conhecedora dos seus segredos.
Redobremos, então, os parabéns!

Bjs

simplesmenteeu disse...

Obrigada AC
Juntas as vozes vão mais longe e mais fundo.
Há pessoas que são como estrelas, abrem e iluminam os caminhos da Alma.
E, o macio aveludado dos seus dedos, não deixa que os nossos corações sequem e emudeçam...

Beijinhos

Graça Pires disse...

Posso dançar com as palavras?
Beijos

avlisjota disse...

As palavras quão belas elas são!...
Quão tristes e frias por vezes se tornam...
que sempre dancem... voem... e façam reluzir o ouro que vive em cada um de nós!

Bjs, parabéns e parabéns

José

Dois Rios disse...

As palavras e os seus vastos poderes de encantar, inebriar e emocionar. Ouço violinos. Minha alma dança.

Beijo saudosos,
Inês

ADiniz disse...

Artesãs solitárias...
Sua sensibilidade de captar a essência
te faz doce no olhar.
Bjinhos e uma boa semana.

gabriela r martins disse...

duplos parabéns - para a autora do texto - e para quem ela assim o quiser




.
um beijo

Cia Teatro dos Orelhas disse...

palavras doces...
em imagens lindas...
já estou seguindo para não perder o mapa...
beijos encantados



Chove no país das fadas...

e até as árvores se esqueceram de anunciar a primavera!...


Acerca de mim

A minha foto
procura de um sentido... .-.-.-.-.-.-.-.-.-.-. "em cada um de nós há um segredo, uma paisagem interior com planícies invioláveis, vales de silêncio e paraísos secretos" --A. Saint-Exupéry--